Os óculos de sol são os primeiros acessórios pensados para ser utilizados durante as estações mais quentes do ano. Desenvolvidos com a finalidade de proteger os olhos do contato direto com a luz do sol, são ótimos objetos de moda na hora de compor uma produção mais sofisticada, além de ser ótimo para esconder a cara de sono pela manhã.

O que muitas pessoas desconhecem é que existem alguns segredos que fazem com que qualquer um passa a usar os óculos de melhor forma, sempre valorizando o tipo do rosto e amplificando os cuidados com a visão, protegendo mais a saúde dos olhos.

Formato de rosto e o óculos de sol

Falando em formato de rosto, neste post vamos analisar cada um deles e indicar o modelo de óculos mais indicado para você que ainda está perdido. Confira:

  • Redondo: O rosto redondo pede armações retangulares ou quadradas e de hastes mais grossas e com cores mais claras. Os modelos redondos não cabem bem para esse tipo de formato. Evite-os.
  • Alongado: Óculos com estilo borboleta – muito utilizado na década de 70 – e, até mesmo, esportivas são mais indicados para o formato de rosto alongado.
  • Oval: Quem possui o estilo de rosto oval é sortudo, pois é o mais harmonioso e combina com todos os tipos de armações. Ainda assim, mesmo contendo a genética a favor, vale apostar nos modelos com lentes transparentes, para suavizar ainda mais os traços.
  • Quadrado: Modelos ovais e arredondados nas laterais são boas apostas para amenizar as linhas do rosto.
  • Triangular: Com bochechas em maior destaque, o rosto triangular pede armações no formato gatinho ou mais estreitas.

Identificado o seu tipo de rosto, é preciso saber de outras informações igualmente importantes na escolha de seus pares de óculos escuros, como por exemplo, o fator de proteção solar. Quando estamos expostos a luz do sol, as pupilas se dilatam mais e precisam de maior proteção. Desta forma, escolha modelos que possuam 100% de proteção UVB e UVA, pois eles asseguram proteção total contra os efeitos nocivos desses raios.

A cor das lentes também é um item que deve ser escolhido com muita cautela. Muitas pessoas tem a impressão de que lentes mais escuras favorecem a proteção a luz solar, o que não é verdade. Quanto mais escura for a lente, as pupilas ficarão mais abertas, expondo-as ainda mais aos raios do sol.

Existe, também, outra importância estética na hora de comprar óculos escuros. Eles devem ornar com a sobrancelha. O aro superior nunca deve anulá-la ou sobrepô-la, dando a impressão de quem usa os óculos possui duas sobrancelhas. A forma ideal é apostar em armações cujo aro superior não as cubram, mas que não estejam muito abaixo delas. Deve se buscar o equilíbrio.

Apesar de todos esses aspetos que podem ajudar – e muito – na hora de adquirir um novo par de óculos existe um fator que não deve ser ignorado: a personalidade de cada um. Eles devem refletir o estilo, a personalidade, estilo de se vestir e gosto pessoal.